HQ! Sandman: Os Caçadores de Sonho, de Neil Gaiman e P. Craig Russel

Gente, vocês vão se surpreender com essa resenha. Sério mesmo

Mas antes: já curtiu a página no facebook do blog?

 

Sandman Os caçadores

Sandman – Os Caçadores de Sonhos

Neil Gaiman e P. Craig Russel, 2011

Editora Vertigo (Panini Books)

O mundo era diferente no antigo Japão. No passado, criaturas mitológicas e lendas andavam sobre a terra, nadavam pelo mar e cruzavam o ar. Alguns seres eram gentis, outros cruéis. Alguns eram selvagens e outros, a muito custo, podiam ser domesticados. E então uma astuta raposa apostou que faria um humilde jovem monge perder a guarda de seu templo – mas acabou perdendo o próprio coração. E então um mestre demoníaco cobiçou a força daquele monge e decidiu roubar para si a vontade férrea que ele tinha em seu interior – a qualquer custo. E então o Rei dos Sonhos viu-se intervindo em favor de um amor que nunca deveria ter acontecido.

 

E ENTÃO ACONTECEU ALGO QUE EU DUVIDARIA QUE ACONTECERIA: EU GOSTEI DE UMA OBRA DO NEIL GAIMAN.

Quem acompanho o blog sabe o quanto eu tenho birra com Neil Gaiman, já que não vi nada de especial em Coraline e muito menos em Mistérios Divinos (essa última também com P. Craig Russell), mas isso tudo mudou com Os Caçadores de Sonhos. Sandman é considerada uma das melhores HQs, e eu já queria ler a algum tempo, e então, decidi começar com esse spin-off.

A primeira coisa que eu queria ressaltar é que criaram toda uma campanha em volta desse conto/HQ (como Mistérios Divinos, era um conto) de que ele era baseado em uma lenda japonesa. E, afinal, ele não tem nada de lenda japonesa! O Neil Gaiman criou uma narrativa muitíssimo bem-feita com elementos de lendas, que se eu não tivesse visto no livro que não era uma lenda, eu viveria achando que era realmente uma lenda de verdade.

Só isso dá para ter uma ideia de como a HQ está, mas acho bom reforçar que a narrativas está excelente, e os personagens foram muito bem desenvolvidos. A história te cativa e te prende, além de te dar uma certa nostalgia de ler contos de fadas e fábulas.

O P. Craig Russell fez um trabalho excelente na adaptação. Os desenhos são lindos, e as cores utilizadas são de um tom pastel, que eu particularmente gostei bastante.

E é isso! Eu adorei a HQ, e com certeza vou buscar mais obras do Sandman para ler. E finalmente li algo do Neil Gaiman que eu realmente gostei!

 

Obrigado por ler até aqui! Até mais o/

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s